Quando posso dar peixe para meu filho?

quando posso dar peixe

A Organização Mundial de Saúde recomenda que os bebês sejam amamentados exclusivamente até o sexto mês. Só após esse período, as nutricionistas e os pediatras indicam a introdução de alimentos sólidos, como frutas e papas salgadas. E o peixe pode fazer parte do cardápio do seu bebê já nessa fase.

Os benefícios desse alimento são muitos. Estudos mostram que os ácidos graxos ômega-3 (gordura poliinsaturada), encontrados principalmente no salmão e na sardinha, são importantes para o desenvolvimento do sistema nervoso central e da retina e na prevenção de doenças crônicas, como obesidade e hipertensão.

No caso de alergias é importante saber se os pais têm alergia, além disso a oferta a criança deve ser feita aos poucos. Isso porque, caso a criança apresente alguma reação, fica mais fácil identificar o que causou o problema. Com relação às espinhas, o ideal é escolher os peixes que têm poucas ou que não as tenham, como cação, linguado ou badejo. Se não for possível, deve-se retirá-las com cuidado e atenção, e sempre checar mais uma vez antes de oferecer ao bebê.

O principal cuidado, no entanto, vem antes de o peixe estar no prato da família – na hora da compra! Dê preferência para o pescado fresco, mais fácil de verificar a qualidade por meio do odor, textura e coloração. Observe se a carne está firme, brilhante e escorregadia; se os olhos estão brilhantes e protuberantes; e as brânquias úmidas e brilhantes, entre a cor de rosa e vermelho intenso. O peixe também deve estar conservado em meio a camadas de gelo.

Para quem prefere o peixe congelado ou congela o peixe fresco, é preciso atenção ao descongelar. Jamais o faça em temperatura ambiente, porque não é uniforme e pode gerar perda de qualidade, umidade e permitir o crescimento de micróbios. A recomendação é descongelar o pescado na geladeira, a 4 °C. E lembre-se: nunca congele novamente o peixe que foi descongelado. Após ter sido preparado, o alimento pode ser conservado na geladeira por até 24 horas.


Papa de peixe

Ingredientes
– 1 colher (sopa) de lentilha crua
– 400ml de água
– 35g de peixe ( pescada OU linguado)
– 1/3 de batata média descascada e picada
– 1 ½ colher (sopa) de cenoura descascada e picada
– 2 folhas de couve picadas
– ½ dente de alho picado
– 1 colher (café) de salsinha picada
– 1 colher (café) de azeite

O peixe, é uma boa fonte de ômega 3 e deve estar presente na rotina alimentar do bebê

Modo de preparo
Deixe a lentilha de molho de um dia para o outro em água. Dispense a água.Em uma panela de pressão, coloque as lentilhas e 400ml de água e leve para cozinhar. Quando pegar pressão, aguarde mais 20 minutos. Retire a pressão, abra a panela e adicione o peixe, a batata, a cenoura, a couve e o alho. Feche novamente a panela e volte para o fogo. Cozinhe na pressão por mais 20 minutos. Ao final do cozimento, adicione a salsinha picada, deixe no fogo por mais 1 minuto. Caso ainda tenha água na panela, deixe cozinhando até que essa evapore (não descarte água, pois ela contém muitos nutrientes importantes).

É importante que os ingredientes cozinhem até ficarem bem amolecidos, fáceis de amassar com o garfo.

Transfira o conteúdo da panela para um recipiente. Amasse bem os vegetais e desfie muito bem o peixe, tome cuidado e fique atenta pare retirar todos os espinhos do peixe. É importante que não fiquem pedaços dos alimentos, lembre-se que este é um dos primeiros contatos do bebê com alimentos diferentes do leite; a gengiva já realiza um processo parecido com a mastigação, mas a ausência de dentes não permite alimentos duros ou em pedaços.

Rendimento: 1 porção. Cada porção corresponde a 2/3 de xícara de chá da papinha.

Valor calórico por porção: 192 kcal.

Anúncios

Atenção: Fique por dentro dos riscos que o excesso de sódio para crianças e bebês!

excessosodio

Alguns alimentos “aparentemente” inofensivos, são comumente oferecido pelas mães aos bebês, mas muitos possuem uma quantidade de sódio que pode causar vários malefícios aos bebês. O sódio em excesso, complica o trabalho dos rins, que não vão conseguir eliminá-lo. Ele vai provocar a retenção de água e aumenta a pressão arterial, causando, com o tempo, problemas cardiovasculares e renais. Hoje muitas crianças já apresentam as consequências do consumo excessivo do sódio através de alguns alimentos. Por dia uma criança de 1 a 3 anos deve consumir 1000mg de sódio por dia. Portanto segue uma lista com alguns alimentos ricos em sódio.

Macarrão instantâneo com tempero 2721mg (85g).

Macarrão instantâneo sem tempero 1198mg (85g).

Hamburguer bovino 567mg 80gr.

Salsicha 551mg 50mg.

Biscoito de polvilho 270mg 30gr.

Biscoito cream craker 230mg 30gr.

Salgadinho de milho 176,9 mg 25gr.

Quais as quantidades certas dos alimentos que devem fazer parte da comida do meu bebê?

quantidadecerta

Como o bebê precisa de energia para se desenvolver logo os carboidratos vão ajuda-lo nisso. Evite colocar mais de uma variedade desses alimentos, pois o excesso pode levar a obesidade.

O estomago de um bebê de 1 ano tem capacidade máxima de 1 xicara de chá (+- 180 a 200ml).

Quantidades por porção:

– Macarrão, arroz (integral ou branco), aipim cozido (2 colheres de sopa cada).

– Batata cozida pequena (1 unidade).

– Biscoito de leite (3 unidades).

Receitinhas Doula – Sugestão de papinha de legumes e carne Infantil

mastigacaobebe

Bebês – 4 a 6 meses
Sopa de legumes com gemas

 

Igredientes                                                            Porção

Batata pedaços pequenos                                    ½  porção  pequena
Cenoura   pedaços pequenos                              1 porção
Espinafre  picadinho                                             1 porção
¼  de gema cozida                                               ¼ de porção
Óleo                                                                      2 colheres de chá
Cebola ralada                                                       1 colher de chá
Água                                                                     O suficiente para somente cobrir os alimentos

Modo de fazer:
Colocar numa panela óleo e cebola  deixe dourar . Acrescente a cenoura e batata, coloque água até que cubra os alimentos e deixe cozinhar até os ingredientes ficarem bem macios e com um pouco de caldo. Coloque o espinafre e deixe por mais 5 minutos. Os alimentos devem ser colocados num prato o mais separado possível ou em prato com divisória. Adicionar a gema depis de tudo pronto.

Bebês – 7 a 11 meses
Sopa de legumes com gemas    

  

Ingredientes                                                           1 porção
Arroz                                                                       1 porção
Feijão preto                                                            1 porção
Peito de Frango                                                     1 porção
Abobora                                                                 1 porção
Espinafre                                                                ½ porção
Óleo                                                                       2 colheres de chá
Cebola ralada                                                        1 colher de chá
Água                                                                      O suficiente para somente cobrir os alimentos

Modo de fazer: Colocar numa panela óleo e cebola  deixe dourar com o frango. Acrescente a abóbora e o arroz ,coloque água até que cubra os alimentos e deixe cozinhar até os ingredientes ficarem bem macios e com um pouco de caldo. Coloque o espinafre e deixe por mais 5 minutos. O feijão ( não usar a água de remolho) pode ser preparado na panela de pressão com louro e 1 colher de café de sal. Os alimentos devem ser colocados num prato o mais separado possível ou em prato com divisória.

ATENÇÃO

Crianças com menos de oito meses devem comer alimentos amassados com o garfo e nunca triturado e peneirado. A cima de oito meses deve comer em pedacinhos.